segunda-feira, maio 26, 2008

Porque dele procedem as fontes da vida

“Guarda o teu coração, porque dele procedem as saídas da vida" Provérbios 4:23

Quem deseja manter o coração limpo e santo precisa plantar uma sentinela em cada avenida pela qual o pecado possa encontrar acesso a ele, guardando-o de nada mais do que os chamados “pecadinhos”.

O homem de Deus deve guardar seus olhos; assim, Jó diz: “Fiz concerto com os meus olhos”; sua língua, portanto a exortação: “Guarda a tua língua do mal, e os teus lábios de falarem enganosamente”; seus ouvidos, assim o aviso: “Cessa, filho meu, ouvindo a instrução, de te desviares das palavras do conhecimento”; seus pés, por isso diz Davi: “Desviei os meus pés de todo o caminho mau, para observar a Tua palavra”. E, uma vez que não existe uma barragem para os cinco sentidos, algo que impeça o inimigo de entrar como um aguaceiro, a não ser que o Espírito levante uma bandeira contra ele, precisamos guardar cada porta e escrever em cada portal: “Aqui nada entra para ferir ou para contaminar”.


Guthrie
(26 de maio)
D.L. Moody - Pensamentos para horas tranquilas

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

  ©Orthodoxia 2006-2017

TOPO