quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

A evidência das cavernas

Aqui só trato do caso concreto da caverna, como uma espécie de símbolo da verdade singela com que deve principiar a história. De tudo o que se descobriu nela, a única coisa que se revela de certo é que o homem sabia pintar quadrúpdes e os quadrúpedes não sabiam pintar homens. Se o homem que os pintava era tão animal como eles, ressalta como extraordinário que soubesse fazer o que eles não sabiam e não sabem. Se o homem, ainda, era um produto de crescimento biológico, como qualquer outro animal, também é de estranhar, sobremaneira, que em nada se pareça com aqueles seus semelhantes. (...) Há alguma coisa que separa fundamentalmente o homem dos animais. A arte é patrimônio do homem.

G.K. Chesterton

1 Comentário:

Anderson Paz disse...

Chesterton era fenomenal. Tinha umas sacadas brilhantes.
Gostaria de saber a fonte de onde foi tirada esse texto. Se vcs puderem enviar a resposta para o meu e-mail, vcs o encontrarão na seção 'Contato' em meu blog.

Um grande abraço!

Postar um comentário

  ©Orthodoxia 2006-2017

TOPO